ARTURO ÁLVAREZ: “A CHAVE É O TRABALHO”

O treinador espanhol explicou o segredo para o início positivo da temporada da equipa de basquetebol do Benfica.

SL Benfica / Benfica TV

Em entrevista ao programa Sport Lisboa e Modalidades da BTV, Arturo Álvarez falou da sua recente distinção como melhor treinador do mês de outubro e do trabalho que tem sido desenvolvido desde o início da época.

O Site Oficial deixa-lhe algumas passagens da entrevista do técnico espanhol que comanda a equipa de basquetebol do Benfica.

Foi distinguido como o melhor treinador do mês de outubro, indicado pela Associação Nacional de Treinadores de Basquetebol. O que significa esta distinção?

É um prémio para toda a equipa, para o Clube e para os adeptos que nos apoiam todos os dias. Quero aproveitar para agradecer-lhes por terem contribuído para ganhar este galardão. Esta distinção é um reflexo do trabalho diário de todos nós.

Arturo Álvarez

O Benfica tem oito vitórias em oito jogos no Campeonato. Qual é o segredo deste ciclo vitorioso?

Há poucos segredos. É o trabalho diário e a qualidade dos atletas que o Benfica tem no plantel, misturados com uma boa química e um bom ambiente de trabalho, que está a dar certo e a tirar o melhor dos jogadores. A chave é o trabalho e acreditarmos todos na mesma coisa.

A equipa sofreu uma grande renovação no início da temporada. Como foi adaptar estes jogadores enquanto grupo?

Foi rápido. No início foi mais complicado porque muitos deles estavam a trabalhar nas seleções nacionais, mas em 20 dias conseguimos construir uma equipa sólida, com uma base forte e que agora está a colher os frutos disso.

Quando chegou disse que estava “muito feliz por assinar por um dos maiores e mais prestigiantes clubes do mundo”. O que pensou quando recebeu o convite e o que o tem surpreendido mais nestes meses?

Qualquer treinador do mundo ficaria muito satisfeito por trabalhar num clube com a magnitude do Benfica. Foi com muita satisfação que aceitei contribuir com o meu trabalho para esta Reconquista. Tenho de agradecer a toda a Direção e à secção de basquetebol por acreditarem em mim para liderar um projeto desta envergadura. Quando se entra aqui percebe-se que é muito maior do que aquilo que nos parece de fora. É grande por fora, mas muito maior visto de dentro.

Arturo Álvarez

O Benfica ficou fora da FIBA Europe Cup após ser eliminado pelo Dínamo de Sassari. É possível vencer todas as competições a nível interno?

Não foi possível na FIBA Europe Cup por toda dimensão do Dínamo de Sassari. É uma equipa construída para vencer a competição. O Benfica está construído e a trabalhar para ganhar qualquer uma das três provas que ainda temos por disputar. Não há nenhuma dúvida de que o Benfica vai tentar vencer as três.

É um estilo de basquetebol atrativo que esta equipa procura praticar para cativar os adeptos a assistirem a mais jogos?

Já pudemos assistir a jogadas espetaculares do Micah Downs, aos triplos do Fábio Lima, do Tomás Barroso… Outros jogadores ainda vão crescer muito e oferecer muitos momentos diferentes aos adeptos.

Texto: Luís Afonso Guerreiro

Fotos: João Paulo Trindade / SL Benfica

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión /  Cambiar )

Google photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google. Cerrar sesión /  Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión /  Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión /  Cambiar )

Conectando a %s